Nota do General Heleno é inadmissível e merece repúdio e reação democrática do Brasil

O Ministro Celso de Melo, decano do STF, recebe noticia crime contra o Presidente da República, age dentro da legalidade e despacha a noticia crime para o Procurador Geral da República, que se entender que há razão para seguir com a denuncia, apresenta-la formalmente. O que o Ministro decano do Supremo Tribunal Federal fez foi obedecer a legalidade.

O Ministro Augusto Heleno, completamente fora da lei, ameaçando o Estado Democrático de Direito, emite a nota que reproduz abaixo para que todos conheçam e percebam a gravidade do ato deste Senhor:

No primeiro paragrafo o Ministro afirma que o pedido de apreensão do celular do Presidente da República é inconcebível. Não há inconcebível, porque o Presidente da República não está imune as decisões judicias e nem acima da Constituição Federal.

O trecho final, onde o Ministro ameaça a estabilidade nacional, é para meter medo nas Instituições Civis e continuar agindo contra a ordem.

Como Presidente do Partido Verde do Pará, deixo aqui meu repúdio e minha indignação contra este ato descabido de uma Ministro de Estado e espero que todos os democratas deste país se unam para coibir os abusos deste Governo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s