Uno-me ao Senador Jader Barbalho em defesa do Pará, contra a Vale e o Governo Federal

O Tribunal de Contas da União aprovou, no última dia 29/07, a renovação antecipada da concessão que Vale detém sobre a Ferrovia Carajás, por mais trinta anos. A empresa deve fazer investimentos, como forma de compensação no valor de R$ 9,8 bilhões.

Todo o recurso da compensação será investido fora do Estado do Pará foi o que denunciou o Senador Paraense Jader Barbalho, no último domingo. Jader reclama, e com razão, que a empresa e o Governo de Jair Bolsonaro, ignoraram solenemente os interesses do nosso Pará.

A Pará deseja, e tinha como certo, a construção de uma ferrovia ligando a Estrada de Ferro Carajás ao Porto de Barcarena, mas todo o recurso da compensação será utilizada para beneficiar o vizinho estado do Mato Grosso.

Uno-me ao protesto de Jader Barbalho e conclamo todos os demais parlamentares, partido políticos, entidades de classe e líderes da nossa sociedade a fazerem o mesmo.

Os interesses do Pará devem estar acima de qualquer divergência ou causa menor.

A Vale só antecipou a concessão para impedir a entrada dos trens chineses na Ferrovia, o que mudaria o seu jogo de exploração e lucro desmedido. A empresa minerador trata o Pará com migalhas e propagandas, nos dando em troca de muitas riquezas, premio para alguns jornalistas e míseros apoios culturais. Deixemos de ser colonizados e vamos gritar forte.

O Pará não pode continuar tendo suas riquezas roubadas e levadas para engordar os cofres e interesses estranhos aos do nosso povo. Esta Ferrovia até Barcarena, bem como a Ferrovia Estadual paraenses são prioridades para gerar emprego e renda aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s