Segundo turno bom para o eleitor de Belém: Edmilson Rodrigues x Thiago Araújo

Um confronto de segundo turno nas eleições sempre ajuda na escolha e é melhor para os eleitores. Ajuda porque permite o confronto das ideias, das propostas, dos projetos. Os candidatos são submetidos a verdadeira batalha de críticas e avaliações, o que permite a quem vai decidir os rumos da cidade ter uma melhor noção de quem está melhor. mais preparado e tem as melhores soluções.

No caso de Belém, as pesquisa apontam dois cenários possíveis. Em todos os dois, segundo os institutos, o ex-prefeito Edmilson Rodrigues estará no segundo turno, tem uma cadeira cativa a esperar de quem irá enfrentá-lo. Priante e Thiago Araújo, segundo estas mesmas pesquisas, tem chances de ser o adversários do Ex-prefeito.

Quem desses seria o melhor para termos um bom segundo turno?

Minha indicação seria o candidato apoiado pelo atual prefeito, Thiago Araújo e eu explico porque.

O bom do confronto eleitoral de segundo turno é termos de um lado a oposição e do outro o que defende a gestão que está em curso.

Os erros da gestão serão apontados e muito bem apontados pelo candidato da oposição. Este exagerará, carregará nas tintas, verá tudo transformado em caos, passará ao eleitor a ideia de terra arrasada. Mas será que tudo foi ruim e que nada de bom pode ser aproveitado e mantido para o bem da cidade?

Ai entra o papel importante do candidato apoiado pela administração atual. Cabe a ele a defesa dos bons feitos do atual prefeito. Desatacará sempre aquilo de bom, até exagerando também um pouco. Mas o eleitor, com sua vivência pessoal de morador da cidade, somado as críticas do adversário, poderá fazer sua própria avaliação não deixando que as coisas boas e que custaram o seu dinheiro, sejam jogadas na lata do lixo, permitindo ao opositor, caso seja eleito, começar novas experiências, algumas até aventureiras, matando a continuidade e o aperfeiçoamento das boas coisas.

Caso o cenário do confronto se dê entre o candidato Edmilson Rodrigues e o deputado federal José Priante, tudo o que foi falado acima se perderá. O debate virará um baixaria de avaliações pessoais, de um tempo muito passado, onde Edmilson foi prefeito e que a cidade já passou por duas novas experiência em 16 anos. Priante tentará desqualificar a pessoa do oponente e não as propostas. Todos perdemos e perdemos muito. Sem contar que Priante, caso eleito prefeito de Belém, colocará o MDB em posição super vantajosa para o confronto eleitoral de 2022, em prejuízo da democracia e da alternância de poder.

O melhor e mais inteligente, do ponto de vista do morador, do cidadão e do eleitor belenense é Edmilson Rodrigues x Thiago Araújo, confronto de segundo turno verdadeiro e bom para o futuro da Cidade. Como estas duas candidaturas, estaremos avaliando, inclusive os apoios e a as alianças, que serão muito mais disputadas entre as duas opções, uma de esquerda e outra de centro, já que Priante, de tão fluido, não permite um boa e clara definição ideológica de onde ele se enquadra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s