O Liberal critica o IBOPE, seu parceiro em muitos erros

O Grupo O Liberal contratou e divulgou a pesquisa do IBOPE e agora, depois que as eleições ocorreram democraticamente, com um resultado inquestionável, vem reclamar do resultado, tentando se eximir de sua responsabilidade. Esta reclamação é no mínimo estranha e com cheiro de segundas intenções.

O IBOPE contratado pelo Grupo Liberal sempre errou nas pesquisas em Belém ou foi usado para tentar influir nos resultados. As oposições no Pará cansou de acusar o Instituto desta prática. Nos bastidores as informações falavam em venda de resultados, fato nunca comprovado.

Nesta eleição municipal, a maioria dos institutos errou, e o IBOPE errou muito mais. A campanha de Eguchi tentou emplacar sua pesquisa contratada pelo ECODATA. Quem se aproximou do resultado das urnas foi o instituto paraense DOXA, cuja prospecção foi publicada pelo grupo ROMA News, as vésperas do pleito.

Um pesquisa é uma tendência e pode sim influenciar nas eleições. O IBOPE pode ter influenciado no primeiro turno, quando, as vésperas das eleições, colocou o Delegado Eguchi em posição de ser possível chegar ao segundo turno, retirando desta possibilidade o candidato Thiago Araújo e Cassio Andrade.

Isto nunca foi novidade, o fato novo que temos aqui é a Nota de Repúdio publicada hoje em O Liberal, na qual o Grupo que contratou a pesquisa repudia o resultado e admite o que nunca quis admitir, principalmente em muitas eleições quando o candidato apoiado pelo grupo despontava muito bem nos números do IBOPE.

Edmilson Rodrigues ganhou legitimamente nas urnas. O PSOL não tem qualquer ingerência sobre o IBOPE e nem de longe pode ser acusado de ter agido para influenciar as pesquisas. As pesquisas podem errar e erram, como erraram aqui em Belém muitas vezes. O eleitor de Belém de tanto ver o IBOPE errar já não se influencia por ele e segue seu desejo e sua decisão eleitoral sem levar em consideração o que diz o Instituto.

Os grupos que contratam e a Justiça Eleitoral precisa dar tratamento republicanos e adequado as pesquisas e suas divulgações as vésperas das pessoas irem as urnas, manifestar sua vontade livre de escolha democrática.

Ps.: O Senhor Vladimir, do Instituto Veritate, questionou a matéria através de um comentário que está moderado aqui em baixo para todos tomarem conhecimento. O Vladimir só erra em querer desmerecer o Instituto Doxa, não precisava.

3 comentários em “O Liberal critica o IBOPE, seu parceiro em muitos erros

  1. Essa matéria esta faltando com a VERDADE quando deixa de citar o resultado da pesquisa VERITATE, inscrita com número PA-09124/2020 e publicada aqui: https://www.facebook.com/pesquisaveritate/posts/3533224173420767

    O VERITATE, de novo, foi o Instituto de Pesquisa mais preciso quanto ao resultado da eleição do segundo turno em Belém. IBOPE e outros erraram muito.

    A pesquisa VERITATE com margem de erro de 4% indicou Edmilson com 54%, ele teve 52%; Eguchi com 46%, ele teve 48%.

    O VERITATE diferente do DOXA mostrou um empate técnico com o Edmilson na frente, e ela mostrou com o Eguchi vencendo.

    Favor repor a verdade

    Vladimir Araujo
    Diretor do Veritate

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s