Inconfidentes e Cabanos. Conquistas ou concessões?

Abraão foi o patriarca do povo Hebreu e recebeu o chamado de Deus, do Deus único, sendo, pois, o precursor do monoteísmo.

Como é que eu e você sabemos disso?

História, meu amigo. História passada de geração em geração, até chegar aos livros e ser perpetuada para todo sempre.

Hoje, 21 de Abril, é um dia histórico para o Brasil. O dia em que morreu, executado o herói nacional, Joaquim José da Silva Xavier, conhecido como Tiradente, líder da Inconfidência Mineira.

Tiradente, lutou pela Independência do Brasil, foi traído e executado por ordem do Governo Imperial.

A Independência, que poderia ser uma conquista, nos veio como concessão de Portugal para um herdeiro de seu Trono.

Por falta de conhecimento e respeito pela história, nós, os brasileiros, perdemos muitas conquistas e recebemos algumas concessões.

A diferença de conquista para concessão é clara. Na primeira alcança-se a liberdade. Enquanto que pela concessão, o julgo permanece.

As correntes dos escravos foram tiradas por concessão, mas a discriminação racial segue nos perseguindo até hoje.

Os cabanos nada mais eram que inconfidentes paraenses tentando conquistar a independência do Pará, frente a elite portuguesa.

O massacre do Brigue Palhaço, com a execução dos nossos 256 líderes, fez a conquista virar outra concessão e até hoje o Pará amarga o julgo do Governo Central.

As elites brasileiras tem derrotados os conquistadores e garantido o poder aos seus herdeiros. Quando muito, perdem alguns anéis, mas preservam os dedos sempre.

Conseguem este feito, apagando ou distorcendo a verdadeira história dos nossos heróis. Matam os líderes e nos entregam “mitos” criados por esquema publicitários baseado em narrativas mentirosas.

Precisamos valorizar nossa história e, através dela, conhecendo os feitos dos nossos verdadeiros heróis, buscar conquistar um Brasil justo e feliz.

Viva os nossos Tiradentes!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s