Pessoa é o que importa

Os governos devem governar para as pessoas com políticas públicas que visem o bem-estar e a felicidade de todos. As construções de prédios, por exemplo, devem ser pensadas como utilidade e não como números para a publicidade oficial. Um bom governo será medido pelos índices do desenvolvimentos humano do seu povo. Para se ter um … Continue lendo Pessoa é o que importa

A medalha do mérito indígena queimara o peito do capitão do mato

O ministro da Justiça, Anderson Torres, concedeu a Medalha do Mérito Indigenista ao presidente Jair Bolsonaro (PL) "como reconhecimento pelos serviços relevantes em caráter altruísticos, relacionados com o bem-estar, a proteção e a defesa das comunidades indígenas". O despacho foi publicado no Diário Oficial da União de hoje.... - Veja mais em https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2022/03/16/ministerio-da-justica-concede-medalha-do-merito-indigenista-a-bolsonaro.htm?cmpid=copiaecola Quando tomei … Continue lendo A medalha do mérito indígena queimara o peito do capitão do mato

“Leve essa menina para o senhor, aqui ela não tem futuro”

https://videopress.com/v/lcnUIE9U?resizeToParent=true&cover=true&preloadContent=metadata&useAverageColor=true Hoje, 07/03, não estava previsto gravar nem vídeo batendo na tecla do investimento em emprego, renda e dignidade ao povo do Pará. Mas me ocorreu um fato que me motivou a insistir nesse tese urgente e vou relata-lo aqui. Fui visitar um amigo meu que é guarda de Nossa Senhora de Nazaré e passarinheiro. … Continue lendo “Leve essa menina para o senhor, aqui ela não tem futuro”

Investir em emprego, renda e dignidade salva a floresta

Os governantes, em todos os níveis, necessitam ser alertados pela população que a única forma de salvar as pessoas e a floresta é investindo em um novo modelo econômico compatível com o bioma amazônico. A floresta, mais os saberes ancestrais, mais as pesquisas modernas, mais investimentos, produzirá um futuro diferente e comprometido com as próxima … Continue lendo Investir em emprego, renda e dignidade salva a floresta